sexta-feira, 3 de maio de 2013

ÔNIBUS DA DEFESA DO CONSUMIDOR DA ALERJ VAI ESTAR EM PETRÓPOLIS

A unidade móvel da Comissão de Defesa do Consumidor da Alerj vai estar em Petrópolis na próxima semana. O ônibus vai ficar estacionado na Praça dos Ferroviários, no Alto da Serra na segunda-feira (06.05) e em Madame Machado, em Itaipava, na terça-feira (07.05). O atendimento vai ser feito de 9 às 15h. O trabalho da comissão em Petrópolis foi pedido pelo deputado Bernardo Rossi (PMDB) para beneficiar a população quer quer fazer valer seus direitos. Mais de 600 queixas são recebidas por mês na comissão.

"O ônibus tem esta função, itinerante, de percorrer todo o Estado. Já pedimos que ele esteja mais vezes em Petrópolis, perto da população para que os consumidores tenham acesso a uma linha direta de reclamação e de solução de problemas com empresas e prestadores de serviços", explica Bernardo Rossi.

Dentro do ônibus, uma equipe de quatro atendentes e um advogado registra as queixas dos consumidores e os casos são analisados na hora, no local. As reclamações são transmitidas on-line para a sede da Defesa do Consumidor na Assembléia Legislativa, por meio de computadores portáteis e as empresas, alvo das queixas, recebem uma notificação.

Bernardo Rossi lembra ainda que quem não tiver oportunidade de fazer sua reclamação no ônibus pode recorrer à central telefônica da comissão. O telefone é 0800 282 7060 e a ligação é grátis.

"Temos avançado muito em defesa do consumidor. Já é lei, de minha autoria, sancionada pelo governador Sérgio Cabral, facilitar o cancelamento de serviços. Se a aquisição for feita pelo telefone, correios e internet, por exemplo, essas mesmas opções devem ser oferecidas ao cliente quando ele não quiser mais o serviço. Sabemos que na hora de vender um serviço há toda uma facilidade, mas para cancelar é um tormento", afirma Bernardo Rossi, que aponta ainda que se essa lei não estiver sendo cumprida também o consumidor pode denunciar no ônibus da Alerj.

Os alvos principais de queixas na Comissão de Defesa do Consumidor da Alerj são prestadoras de serviços públicos. "Serviços de água, luz, telefone e tudo o mais que não estiver funcionando em dia pode ser levado aos agentes que vão atender no ônibus da Alerj", avisa Bernardo Rossi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário